Home / Outros Crimes e Contravensões / GUARDA MUNICIPAL ALERTA PARA OS ACIDENTES ENVOLVENDO CEROL NAS LINHAS DE PIPA

GUARDA MUNICIPAL ALERTA PARA OS ACIDENTES ENVOLVENDO CEROL NAS LINHAS DE PIPA

A Guarda Municipal de Dourados de maneira preventiva vem alertar a toda população em especial os pais ou responsáveis das crianças que brincam de empinar ou soltar pipas nesse período do ano.

Conforme dados meteorológicos de Dourados-MS, Do mês de junho até o meio do mês de novembro é o período na qual se tem a maior intensidade de ventos na região, tendo uma velocidade média de 10,9 km/h e podendo chegar a 13,2 km/h.

Período este que engloba uma boa parte das férias escolares e vários feriados prolongados, ambiente propício para as crianças brincarem nas praças e nos bairros da cidade com uma das brincadeiras mais antiga, soltar “PIPA”, “PAPAGAIO”, “PANDORGA”, “RAIA” e muitos outros nomes dado Brasil a fora.

Brincadeira muito sadia, mas que pode trazer vários danos à saúde e até causar a morte se for utilizada de maneira errada, pois muitas crianças e adolescentes utilizam do artificio conhecido como “cerol” para passar nas linhas de “PIPA”, produto este que é feito a base de cola e vidro moído, podendo conter muitos outros elementos, deixando a linha uma verdadeira “navalha”.

Outro meio que está se tornando cada vez mais comum, é a utilização da “linha Chilena”, onde a mesma torna-se até mais perigosa que o “cerol”, podendo cortar metais e até fiações elétricas.

Conforme a Guarda Municipal de acordo com a lei municipal Nº 4.140, de 06 de dezembro de 2017, de autoria do vereador Olavo Sul, que dispõe sobre a “Proibição da utilização de cerol ou qualquer outro tipo de material cortante nas linhas de pipas ou similares no âmbito do Município de Dourados”, fica estabelecido que, o estabelecimento que for pego comercializando qualquer que seja o produto, poderá receber multa de meio salário mínimo ou até ter o seu alvará de localização e funcionamento cassado.

Para o usuário do produto, fica estabelecido que ele pode vir a pagar multa de meio salário mínimo, além de responder civil e criminalmente pelos danos físicos ou materiais que possam vir a acontecer com terceiros. Caso o usuário seja menor de 18 anos, os pais ou responsável legal responderá pelos atos do menor infrator.

Acidentes envolvendo usuários e terceiros que transitam pelas localidades, tornam-se fatos recorrentes nesta época do ano, porém, é algo que pode ser evitado. O usuário deve sempre procurar a utilização da linha específica para a prática da brincadeira, e de forma alguma passar “cerol” na linha ou utilizar linhas cortantes como as famosas ” linhas chilenas”.

Infelizmente uma mulher de 34 anos morreu após ser atingida no pescoço por uma linha com cerol neste mês na BR-282 em São José, na Grande Florianópolis- SC

Desta forma as brincadeiras com pipas devem ocorrer em locais abertos, com pouco movimento e que não contenha árvores ou rede elétrica, assim como devem ser evitados dias nublados, e não subir em telhados para tal prática e as linhas não devem ter cerol.

Fica o alerta para ciclistas e motociclistas que trafegam em locais onde pode haver crianças e adolescentes realizando a prática da brincadeira, sempre diminuir a velocidade, redobrar a atenção e fazer o uso das conhecidas “antenas corta pipa”, utensílio utilizado na parte frontal das motos e bicicletas, onde corta a linha e evita que ela atinja e cause algum corte profundo ou até mesmo fatal.

A lei municipal de 2017, já esta em processo de estudos e regulamentação por parte da Prefeitura Municipal.

Enquanto isso a Guarda Municipal de Dourados através de seu comando, coloca-se a disposição para estar fiscalizando e atendendo as denúncias de possíveis infratores, através do numero 199, 153 ou 3424-2309, onde encaminhará uma equipe para estar verificando a situação e a prática de qualquer ilegalidade ou crimes decorrentes das linhas com cerol.

About guardadourados

Veja também!

PAI E FILHO SÃO PRESOS PELA GUARDA MUNICIPAL COM ARMA DE FOGO

Equipes da ROMO MOTOS da Guarda Municipal realizavam fiscalização do Toque de Recolher no bairro …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *